Ultimas

Aborto é crime sim!

imagesCAVBZ3OJ

O aborto tem sido nos últimos oito anos um debate acirrado por diversos segmentos da sociedade, incluindo religiosos , movimentos feministas, partidos políticos, e parte de um setor da classe médica. Uns defendem à descriminalização do aborto, outros defendem à prática do aborto como questão de saúde. Há várias correntes em relação ao tema. O que diz a ciência? O segmento, está divido.


imagesCACDR2JF

A verdade é que, por ano morrem milhares de mulheres no Brasil vitima da prática do aborto clandestino e vidas inocentes que não pediram para serem concebidas.

O aborto é um crime contra a vida, passivo de punição severa, um ato que deve ser intolerável, porque não há justificativa palatável, e não é uma saída para solução da saúde da mulher. Em vez de propor o aborto, porque não inserir na pauta da discussão, o planejamento familiar, informações de como funciona o corpo da mulher, orientação a adolescência sobre a prática do sexo responsável, o momento ideal para a prática do sexo.

Por que as instituições, a imprensa não fala o que está por trás do aborto, sabemos que , a prática ao aborto envolve várias questões e situações. São jovens que engravidam de maneiras irresponsáveis, são mulheres casadas que têm relação extra-conjugais, são homens casados que se envolvem com outras mulheres que engravidam e forçam essas mulheres a prática do aborto.

ABO1 140

Não podemos tomar decisões sem nos aprofundar na realidade dos fatos. É preciso discutir o assunto com mais responsabilidade e com dados concretos.

A própria imprensa, a mídia, já veiculou reportagens em que mulheres que injetaram remédios abortivos e não obtiveram sucesso, voltaram atrás, deram continuidade a gravidez, tiveram seus filhos, e hoje, declaram-se felizes por terem dado continuidade a gestação.

A sociedade vive num processo de degeneração total, a vida não vale mais nada, os verdadeiros valores foram esquecidos por essa geração, os bons atos e costumes foram deixados na lata do lixo.

images54

E voltando ao assunto da questão de saúde, algumas pesquisas que foram realizadas, comprovam que mulheres que praticaram o aborto, tiveram certos problemas de saúde , afetaram várias partes do corpo. Muitos médicos já declaram  que, a mulher que pratica o aborto, não será mais a mesma.

A mídia que ocupa o espaço para muitas vezes estimular a prática do aborto, visto que, contraditóriamente, essa mesma mídia, não ocupa espaço para orientar as mulheres, as jovens e adolescentes sobre o sexo ou sobre as práticas mais saudáveis para evitar a gravidez indesejada. Se existem várias maneiras de evitar a gravidez, se existem vários métodos para evitar a gravidez, porque o aborto criminoso?

untitled4

Mas, parece que não interessa a mídia falar de métodos contraceptivos, o mais interessante é falar de assuntos que repercuta mais audiência.

E por que, as instituições públicas, ongs, postos de saúde, clínicas e hospitais não fazem campanhas educativas no intuito de prevenir às mães equivocadas? E por que o governo através do ministério da saúde não estimula ao homem fazer a vasectomia?

A solução para evitar a prática do aborto, está na prevenção, na informação, na orientação e na conscientização, tanto dos órgãos de saúde, quanto das pessoas inconsequentes que praticam o aborto, sem demonstração de humanidade.
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!