Ultimas

Calor acentuado nas partes íntimas.

ksdfk~p

Com a chegada dos dias de calor, a mulher apresenta uma sensibilidade maior para o desenvolvimento e, consequentemente, o aparecimento de corrimentos vaginais, sendo o mais comum deles a candidíase ou monilíase.

jhsdvzjko


O que é candidíase vaginal?
É uma infecção causada pelo fungo CANDIDA ALBICANS. Esse fungo geralmente vive nos órgãos genitais femininos e nos intestinos, sem contudo provocar nenhum transtorno. Porém, em certas ocasiões, começam a se proliferar e provocam o aparecimento do corrimento.

kldckoç


Quais as situações que podem provocar a infecção?
  • O mau hábito de higiene pode provocar a disseminação dos microorganismos na vagina.
  • Facilita o desenvolvimento do fungo, por deixar o meio vaginal com uma alta concentração de açúcar.
  • O aparecimento é facilitado devido ao aumento dos níveis do hormônio estrogênio.
  • O estrogênio fica abundante no meio vaginal.
  • Provocam um desequilíbrio na flora vaginal, porque diminuem as defesas naturais do corpo.
  • Pela diminuição na produção de hormônios, há uma diminuição na resistência da mucosa vaginal. Pacientes com deficiência nesse sistema são bastante sensíveis à infecção porque não conseguem combater o fungo naturalmente. São os casos de Aids e uso de corticóides.
  • O uso de roupas sintéticas como nylon, lycra, maiôs, meias-calça, calças apertadas produzem um aumento na umidade da vagina, propiciando o crescimento da cândida.
  • A mulher pode desenvolver a candidíase vaginal e contaminar o seu parceiro sexual.
  • Pela ação de sabonetes, desodorantes íntimos e neutralizadores vaginais, a pele pode sofrer lesões ou inflamações.
jcvkjo


Diagnóstico
O material do corrimento é colhido, colocado numa solução salina e analisado ao microscópio, onde poderão ser observados os fungos. Se necessário, faz-se a cultura do material.

sojks


Tratamento
O tratamento consiste na aplicação de cremes ou óvulos vaginais à base de antifúngicos, em média de três a sete dias. O tratamento deve ser completado pelo uso de antifúngicos via oral, e extensivo ao companheiro sexual se for o caso. (Postado por O Controle da Mente – Fonte: webclinicas.com.br)
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!