Ultimas

Pintor de obra é flagrado agarrando estudante à força


O pintor Celso Ricardo de Morais, 35 anos, foi preso no final da noite de quarta-feira depois de ser flagrado pela polícia agarrando à força uma estudante de 20 anos na avenida Brasília em Araçatuba.
Morais foi preso na semana passada, no bairro Iporã depois de invadir uma casa, abusar de uma adolescente de 17 anos e matar os três gatos da jovem.

Desta vez ele atacou uma estudante nas proximidades do supermercado Pão de Açúcar. Pela ocorrência, os policiais faziam patrulhamento na localidade quando avistaram o pintor segurando a jovem, aplicando-lhe uma gravata com o braço e com a mão direita entre as pernas da moça que usava saia. Os policiais renderam o homem que disse aos policiais que a agarrou para lhe dar um beijo.

A estudante disse que não conhecia aquele homem e apenas havia perguntado se ele sabia se havia algum hotel naquelas proximidades, quando ele a agarrou dizendo que a levaria para um motel. Pela rede social a jovem estudante desabafou: “Após tentativa de assalto e estupro passei horas na delegacia e fui liberada agora, se não fosse a polícia passando no mesmo momento não sei o que seria de mim, Obrigada meu DEUS, pela proteção!” O pintor foi preso mais uma vez em flagrante, ele contou aos policiais que ficou preso por dois dias.


resizeImage.php

OUTRA VÍTIMA

Na semana passada Celso foi preso depois de invadir uma residência para furtar. Além de invadir o imóvel, ele matou três gatos de estimação de uma adolescente de 17 anos, que reside no local, e tentou abusar da menor.

Em depoimento, a menor contou que surpreendeu Celso no quintal de sua casa, pela manhã, furtando ferramentas e outros objetos de sua propriedade. Após o furto, o pintor fugiu do local. No começo da tarde, o pintor voltou à residência e surpreendeu a menor nos fundos da casa. Ele se aproximou e jogou nos pés da adolescente três gatos mortos, dizendo: "toma de presente". Em seguida, o pintor agarrou a adolescente pelo braço e, usando de violência, passou as mãos nas nádegas da menor, de acordo com o registro policial. A vítima conseguiu escapar do autor e correu em direção à casa da sogra. Apavorada e chorando, a menor relatou o que havia ocorrido à mulher.

Ele já ficou preso numa outra ocasião por agarrar uma oficial de Justiça que tinha ido até a casa dele intimá-lo. (Postado por O Controle da Mente – Fonte: Ir1)
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!