Ultimas

Atriz que interpretava sua morte acabou morrendo de verdade

image

Existem vários casos de artistas que morreram durante apresentações, mas nenhum deles é tão curioso quanto o da atriz americana.

Edith Webster foi uma atriz que não conquistou grande fama ao longo de sua carreira nos palcos, mas a maneira com que ela veio a falecer foi suficiente para que passassem a conhecer seu nome ao redor do mundo.

Logicamente, Webster não foi a primeira e nem a última artista a sofrer um ataque fulminante durante uma apresentação. Mas o que faz com que sua história seja ainda mais intrigante é a maneira como tudo aconteceu.

Além da interpretação

A peça “The Drunkard” ficou muitos anos em cartaz no clube Towson Moose Lodge, em Baltimore, nos Estados Unidos, e a veterana atriz de 60 anos interpretava o papel da avó. O roteiro da peça era dividido em duas partes e, pouco antes do final, a avó cantava os versos da música “Please, Don’t Talk About Me When I’m Gone” (ou “Por Favor, Não Fale Sobre Mim Quando Eu Tiver Partido”, em tradução livre).

Depois de entoar versos tão sugestivos, o roteiro mandava que a personagem caísse no chão e simulasse sua morte. Acontece que na noite de sábado, no dia 24 de novembro, Edith Webster cantou a música e, em seguida, foi além da interpretação.

“Houve muitas palmas. Noite após noite, ela morreu e morreu, e na última noite ela morreu, de verdade”, declarou Richard Byrd, diretor da montagem.

Tragédia ou comédia?

Impressionados com a cena, os espectadores acreditaram que os pedidos de ajuda do restante do elenco faziam parte da encenação, afinal, a peça era uma comédia. Foi somente depois de alguns minutos que eles perceberam que havia algo de errado.

Um dos jornais que noticiou a tragédia revelou que o público permaneceu sentado por quase uma hora e muitos rezavam. No hospital, os médicos confirmaram a morte de Webster e confimaram que ela havia sofrido uma parada cardíaca fatal.

Curiosamente, essa não havia sido a primeira vez que a atriz sofria um ataque durante os oito anos em que a peça esteve em cartaz. Webster teve uma parada cardíaca em cena alguns anos antes de falecer, mas não procurou tratamento. (Fonte: Mega Curioso)

Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!