Ultimas

Unicórnio é encontrado e abatido na Eslovênia!

unicornio2

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

gf

A imagem que você acabou de ver acima mostra o que parece ser uma prova de que os unicórnios afinal são criaturas que não vivem apenas nos contos de fadas, não é mesmo? No entanto, na verdade a fotografia retrata uma pobre corça com algum tipo de deformidade incrivelmente rara nas galhadas. Ah... que decepção!

De acordo com Jason Bittel da National Geographic, o bichinho foi caçado em agosto deste ano na região de Celje, na Eslovênia, e provavelmente contava com apenas um único “chifre” devido a uma anomalia possivelmente ocasionada por um ferimento quando o animal começou a desenvolver as galhadas — ou hastes, que são estruturas ósseas com aparência ramificada presente nos crânios de cervídeos.

Corça-unicórnio

Capreolus capreolus

Segundo Bittel, apesar de lesões nessas estruturas serem bastante frequentes — e poderem resultar em perda de uma das hastes ou em hastes com formatos irregulares —, o caso da corça-unicórnio chamou bastante a atenção. Conforme explicou Boštjan Pokorny, cientista que analisou o crânio e confirmou sua autenticidade, apenas os machos da espécie caçada em Celje costumam ter essas estruturas, e elas são bilaterais e quase sempre simétricas.

Entretanto, esta é a primeira vez que Pokorny se depara com uma corça que desenvolveu uma única galhada. E caso você tenha ficado indignado com o fato de que o “unicórnio” tenha sido abatido a tiros, Bittel explicou que esses bichos são os animais de caça mais abundantes na Eslovênia, e existe toda uma regulamentação sobre quantos espécimes podem ser mortos anualmente.

O caçador que abateu a corça selecionou esse animal especificamente devido à idade avançada e por ele contar com uma única haste. Além disso, a partir da distância na qual o caçador se encontrava, era impossível determinar que se tratava de um “unicórnio” e não de uma corça que, por algum motivo, havia perdido uma de suas galhadas. De qualquer maneira, é uma pena que a corça tenha morrido dessa forma, você não acha?

via: National Geographic/Jason Bittel, Bones and Cartilage - Developmental and Evolutionary Skeletal Biology/Brian K. Hall

Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!