Ultimas

Morre o chinês mais velho do mundo, aos 256 anos!

Em 6 de maio de 1933, apareceu na imprensa americana uma notícia sobre Li Ching-Yuen, que sobreviveu a 23 esposas, 180 filhos e teria chegado a 256 anos (?). {Mestre Li Ching-Yuen ou Li Ching Yun  (Chyi Jiang Hsien, Szechuan, 1678 - 6 de Maio de 1933) é um mestre taoísta chinês, herbalista e praticante de Chi Kung que fontes chinesas alegam ter vivido até a idade de 256 anos.} 
 
Este cidadão era um expert herborista. Foi praticante de Tao e outras disciplinas de meditação e artes marciais. Passou muito tempo nas montanhas do Tibet, onde continuou coletando ervas, que segundo ele o ajudavam a manter-se forte e saudável. Sabemos que este raro ancião nasceu na pronvíncia de Sichuan, onde também morreu.
 
Em seu livro "Ancient Secrets of Youth" Peter Kelder registra a história de Li Ching Yuen contada por um de seus discípulos, o Mestre de Tai Chi Chuan Da Liu. Ele conta que com 130 anos o Mestre Li encontrou nas montanhas um eremita de idade ainda maior que lhe ensinou o Pa-Kua e um conjunto de práticas de Chi Kung, que incluíam treinamentos de respiração, movimentos coordenados com sons, e recomendações sobre a alimentação e o uso de ervas medicinais. Segundo Da Liu seu mestre dizia que sua longevidade "é devida ao fato que realizei estes exercícios a cada dia, regularmente, corretamente, e com sinceridade por 120 anos."
  

Mestre Li Ching-Yuen
O Dr. Yang Jwing-Ming, em seu livro "Muscle/Tendon Changing and Marrow/Brain Washing Chi Kung." declara que Li Ching-Yuen foi um herbalista chinês praticante de Chi Kung que passou a maior parte de sua vida nas montanhas. Em 1927 o General Yang Sen (??), membro do Exército Nacional Revolutionário chinês o convidou para ir à sua residência em Wann Hsien, província de Szechuan, onde a fotografia reproduzida neste artigo foi feita.

O General Yang Sen publicou um estudo relatando suas pesquisas sobre ele, "Um Registro Factual sobre o "Homem de Sorte" de 250 anos.", onde descreve a aparência do Mestre Li Ching Yuen quando o conheceu: "Sua visão era perfeita e e sua pele firme; Li tinha sete pés de altura, unhas muito longas e compleição forte."
 
Aparentemente, durante mais de 100 anos Li continuou vendendo ervas colhidas por ele. Em 1930 o professor Wu Chung-Chieh, decano do Depto. de educação da Universidade de Chengchu, encontrou registros imperiais do Governador da China. Nela constavam 2 felicitações do imperador a Li Ching Yuen em 1827 pelo seu 150 aniversário e uma posterior, aos 200 anos. A resposta que Li dava ao segredo de sua longevidade e disposição era:
"mantenha um coração tranquilo
 sente-se como uma tartaruga (?)
caminhe rápido como as pombas e 
durma como um cachorro (?)"

Sua dieta era baseada principalmente em arroz e no vinho deste cereal. Também consumia ginseng e Centelha Asiática. Na época pouco se ligou para a dieta, porém mais tarde um bioquímico françês encontrou um poderoso alcalóide de efeito rejuvesnecedor nas semente desta planta. Os praticantes da arte marcial Jiulong Baguazhang, também conhecida como Nine Dragon Eight Diagram Palm, alegam que sua arte foi concebida pelo sábio taoísta Li Ching Yuen. 

O Mestre Liu Pai Lin mantinha no espaço em que dava suas palestras em São Paulo uma foto sua, onde eram visíveis suas longas unhas espiraladas. 

Ele destacava a importância que este mestre, que conhecera pessoalmente na China, dava ao cultivo do Vazio (Wu Wei). 


 Seu filho, Mestre Liu Chih Ming, ensina no Centro de Estudos da Medicina Tradicional e Cultura Chinesa (CEMETRAC) uma sequência de exercícios transmitida por Li Ching Yuen, o Chi Kung das Doze Sedas. As diversas histórias sobre o Mestre Li Ching Yuen destacam seu papel como herbalista, usuário e divulgador do emprego de Gotu Kola (Centella asiatica) e outras ervas medicinais chinesas como Ginseng e Alho para manter a saúde e a longevidade. Se esta história for verdadeira, Li Ching Yuen superou em mais de 130 anos a mulher mais longeva, a francesa Louise Calment que viveu 122 anos e 164 dias...

Mestre Wong Kiew Kit

Wong Kiew Kit, Mestre de Chi Kung e Tai Chi Chuan, escreveu sobre Li Qing-Yun em sua homepage, respondendo às questões de seus leitores: "Eu não tenho certeza se o "Homem de Sorte" Li Qing Yun foi uma pessoa real ou apenas um mito, mas ele é certamente uma inspiração para nós." Uma inspiração para viver com saúde pelo tempo de vida possível ao ser humano em cada época.


Via: imagick
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!