Ultimas

Pescador encontra 34 filhotes de tubarão-martelo com marcas de bala

Um tubarão-martelo de aproximadamente 3 metros foi levado para a costa de Destin, na Flórida, pela tripulação a bordo do barco de pesca Phoenix. Os 34 bebês morreram. 

Algumas testemunhas afirmam que o tubarão parecia ter "balas ou buracos de lança" em seu corpo e que sua barbatana tinha sido cortada.


De acordo com o capitão do barco, o animal foi capturado em águas internacionais, onde o tubarão-martelo está ameaço de extinção. A espécie também aparece na Lista Vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN). 

Ainda assim, não há nenhuma proteção pelo governo dos Estados Unidos, por meio da Lei das Espécies Ameaçadas.
 
A carne do turbarão-martelo não é normalmente consumida. Já as suas barbatanas, são usadas para sopas. Ao todo, nove estados dos Estados Unidos proíbem a posse ou venda de barbatanas de tubarão. Na Flórida, porém, essa prática é legal.

O vídeo, feito por Jeff Bratcher, foi postado no Youtube e mostra o pescador retirando os bebês mortos.  É possível ouvir a voz de uma mulher contando cada um dos filhotes que são colocados para fora da mãe. 

A página do Facebook pertencente ao barco postou uma mensagem e algumas fotos sobre a captura. Contudo, a postagem foi removida após vários comentários negativos.  A filmagem, vista mais de 300.000 vezes, também recebeu muitos comentários desfavoráveis.




A fêmea do turbarão-martelo é geralmente maior que o macho, podendo dar à luz para ninhadas de 6 a 42 filhotes, aproximadamente a cada dois anos. O tempo de vida da espécie pode ser de até 40 anos.
Via:  DailyMail Foto: Reprodução / DailyMail

Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!