Ultimas

Os efeitos das drogas no organismo humano

O problema com as drogas está longe de ser solucionado. Além de ter um uso muito difundido em todo o mundo, as drogas estão intimamente ligadas com a violência e com o crime organizado. Enquanto algumas pessoas pensam que a solução para o problema seria descriminalizar (e regularizar) as substância, outras defendem um maior policiamento para por um fim definitivo à velha guerra contra o tráfico. No Brasil, as drogas mais famosas estão em todas as cidades, e você já deve ter ouvido sobre elas.

Mas afinal, vocês sabem qual o efeito de cada droga em nosso corpo? Talvez você já tenha usado alguma droga da nossa lista, como o álcool por exemplo, mas vocês sabem quais efeitos o álcool pode causar no nosso corpo quando consumido por muito tempo? Vamos mostrar para vocês hoje quais os efeitos de 5 drogas diferentes em nosso corpo, confiram:

1 – Café

PublicidadeNos primeiros 10 minutos, entra na corrente sanguínea. A sua frequência cardíaca e pressão arterial começam a subir de 20 minutos, você começa ficar mais alerta e focado. Você toma decisões e lida com os problemas mais fácil. Além disso, a cafeína pode ajudar você a se sentir menos cansada através da ligação a receptores de adenosina do seu cérebroDepois de meia hora, seu corpo começa a produzir mais adrenalina. Isso pode levar a visão mais nítida, porque suas pupilas dilatam levemente. 40 minutos depois, o nível de serotonina no seu corpo começa a subir. Isto melhora o funcionamento dos neurônios motores, que, por sua vez, aumentam a força muscular.
Depois de 4 horas do consumo do café, aumenta a taxa na qual as células liberam energia. Quando isso acontece, seu corpo começa a quebrar as gorduras, mesmo você não se movendo. A cafeína também estimula e aumenta a produção de ácidos do estômago. Depois de 6 horas, a cafeína do café provoca um efeito diurético. Além da água, seu corpo também perde algumas vitaminas e minerais essenciais. Isto pode conduzir a ligeiras perturbações do metabolismo do cálcio.

2 – LSD e ecstasy

As drogas perturbadoras, também conhecidas por alucinógenas ou psicodislépticas, como LSD e ecstasy, provocam alucinações, principalmente visuais como alterações de cores, formas e contornos dos objetos.

Além disso, a sensação alterada do tempo e do espaço, sendo que minutos parecem horas ou metros parecem Km, sensação de enorme prazer ou de medo intenso, facilidade em entrar em pânico e exaltação, noção exagerada de grandiosidade e delírios relacionados com roubos e perseguições.Esses efeitos podem ser percebidos em poucos minutos, porém tendem a durar pouco tempo. Por esse motivo, é comum o uso abusivo das drogas em quantidades cada vez maiores.

3 – Maconha

Bom, a mais polêmica também é a mais simples. Famosa por ser recreacional, a flor da maconha tem sido cultivada há milhares de anos. Seus efeitos são psicodélicos e psicoativos. A cannabis pode ser fumada, e o seu efeito é imediato. O usuário sente uma leve sensação eufórica, que pode ser intensificada dependendo do método de fumo ou mesmo pela quantidade da dose. Ela geralmente não é debilitante, exceto quando é utilizada em altas quantidades, o que pode causar confusão mental.

4 – Crack e cocaína

Você pode não saber disto, mas a planta que é utilizada na fabricação das drogas é originada daqui mesmo, da América do Sul. Até mesmo os índios peruanos a utilizaram, mastigando a planta para aproveitar seu efeito. A cocaína é estimulante, acaba com o apetite e é anestésica. Durante os primeiros anos da fabricação da Coca-Cola, especula-se que a droga chegou a ser utilizada em sua fórmula, mas foi removida quando se tornou proibida.

Ela é uma droga cara, e portanto difícil de ser encontrada nas ruas. A versão modificada da cocaína, o crack, foi o responsável por popularizar a droga. Derivado da cocaína com bicarbonato de sódio ou hidróxido de sódio, a droga “fumável” é bem mais barata. Conhecida por ser ainda mais viciante que a cocaína, o crack causa euforia, confiança e um eterno desejo por mais.

Convulsões, depressão neuronal, alucinações, paranoia, taquicardia, mãos e pés adormecidos, depressão do centro neuronal respiratório. depressão vasomotora e até mesmo coma e morte em uma overdose são os efeitos em altas doses são os efeitos que a cocaína pode causar ao nosso corpo.

Já o crack, que mesmo sendo derivada da mesma planta da cocaína, é uma droga mais pesada. O crack é mais barato que a cocaína e estimulante seis vezes mais potente. Essa droga provoca dependência física e leva à morte por sua ação fulminante sobre o sistema nervoso central e cardíaco.

5 – Álcool

O consumo do álcool é antigo, e bebidas como vinho e cerveja possuíam conteúdo alcoólico baixo, uma vez que passavam pelo processo de fermentação. Apesar do álcool possuir grande aceitação social e seu consumo se estimulado pela sociedade, ele é uma droga psicotrópica que atua no sistema nervoso central, podendo causar dependência e mudança no comportamento.

Os efeitos do álcool são percebidos em dois períodos, um que estimula e outro que deprime. No primeiro pode ocorrer euforia e desinibição, já no segundo momento ocorre descontrole, falta de coordenação motora e sono. Os efeitos agudos do consumo do álcool são sentidos em órgãos como fígado, coração, vasos e estômago. Dependendo da pessoa, se o consumo do álcool for suspenso, ela pode ter síndrome de abstinência, caracterizada pela confusão mental, ansiedade e tremores.

Bom, muitos de vocês sabem quais os efeitos das drogas, mas nós queremos reforçar a ideia de que realmente as drogas não valem a pena, e mesmo depois de ler todas esses efeitos negativos das drogas, será que ainda vocês teriam coragem de usar? Nós esperamos que não! Deixe aqui seu comentário sobre sua opinião perante as drogas.
Via: G1 / Escola Brightside / Tua Saúde
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!