Ultimas

A cesariana e as consequências nas mulheres

As mulheres são fortes, guerreiras e dedicadas. Quando decidem ser mães, ou simplesmente são, elas se entregam de corpo e alma, para aquele novo ser que depende dela para tudo, e que é a partir de seus ensinamentos que se tornará um ser de bem. Mas nem sempre é fácil assim, muitas vezes a gravidez é tranquila, mas muitas mulheres sofrem muito durante os nove meses, e não apenas, a hora do parto também é crucial.

Atualmente, a escolha pelo parto normal está sendo feito com mais frequência por muitas mulheres. Essa é uma decisão feita em conjunto pelos pais do bebê, que muitas vezes precisam mudar seus planos por alguma complicação. É importante lembrarmos que não temos o intuito de criticar, julgar, muito menos impor verdades absolutas.


Nosso objetivo é único e exclusivo de informar e entreter. Por isso, o conteúdo dessa matéria se destina a aqueles que se interessarem e/ou identificarem. Pensando nas dificuldades que as mulheres que passaram por cesáreas precisam enfrentar é que selecionamos essas verdades que todo mundo precisa saber.

Precisam ser fortes, pois se trata de uma intervenção cirúrgica.

Por mais que os médicos já estejam acostumados a realizarem partos por cesáreas, continua sendo uma cirurgia. E como qualquer outra apresenta sérios riscos, nesse caso não só à mãe, como ao bebê também. Outro detalhe é que nem sempre o pai da criança ou qualquer parente, pode estar presente na hora da cirurgia, causando instabilidade emocional na mulher, que está completamente vulnerável, além da preocupação com ela mesma, vem a preocupação com o bebê.

Não há qualquer garantia que tudo correu bem, até que acabe de vez.

Só é possível dizer que tudo correu bem, que deu certo, quando a anestesia perde seu efeito e a mulher sai do centro cirúrgico. Muitas pessoas acreditam que o risco termina quando o bebê nasce, mas não é assim que acontece. Outra coisa que poucas pessoas tem conhecimento é que durante o procedimento a mulher está consciente, sentindo tudo aquilo que acontece dentro dela. Vocês podem imaginar o quão desagradável é essa sensação, não? Além disso, pode causar traumas, caso ela não seja orientada previamente.

A recuperação é cruel e dolorosa, ainda assim elas se dedicam ao filho recém nascido.

O pós-operatório de uma cesárea é tão dolorosa e cruel como de qualquer outra cirurgia, às vezes até mais. E mesmo assim, as mães precisam encarar todo o sofrimento, colocando as dores de lado para poderem se dedicar àquele novo ser que dela totalmente depende. Pelo menos, é isso que as deixa mais fortes, saber que alguém precisa delas, alguém que elas amam mais que a elas mesmas.
 

A intervenção cirúrgica no parto é algo desgastante, invasivo, podendo causar os mais variados problemas. Além disso, as cicatrizes, tanto físicas quanto emocionais são muito fortes. Grande parte das mulheres acabam se incomodando com essas cicatrizes e, por vezes, sofrem preconceito por isso. O que não é digno de seu esforço e sofrimento. Por isso, é preciso ter orgulho dessas mulheres e sempre incentivá-las por sua garra.

Então pessoal, vocês nasceram de parto normal ou cesárea? Tem filhos? Como eles nasceram? Toda mãe é uma verdadeira guerreira e merece carinho e admiração. Conte a sua história pra gente! Encontraram algum erro na matéria? Ficaram com dúvidas? Possuem sugestões? Não se esqueçam de comentar com a gente!
Fonte: Histórias com Valor

Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!