Ultimas

Criatura nunca vista no planeta é descoberta na Sibéria

Mineiros siberianos desenterraram um antigo e não identificado mamífero das areias de Udachny, no extremo nordeste da Rússia.

E tudo bem, pode parecer como uma espécie demoníaca mumificada, mas há uma explicação perfeitamente razoável para tudo isso… só que ninguém está completamente certo do que é ainda.

Segundo o Siberian Times, enquanto os mineiros gostariam muito que isso fosse algum tipo de espécie de dinossauro recém-descoberta, os pesquisadores sugeriram que poderia se tratar de um jovem glutão – uma pequena criatura parecia com um urso com mandíbulas muito fortes e grandes dentes caninos, como visto na foto abaixo.

siberian_creature
Outras opções são de que a criatura seja uma zibelina (Martes zibelina) ou marta (Martes martes), que são animais parecidos com doninhas.

 A julgar pelo seu corpo muito fino e grande, crânio esmagado (ambas características podem ter surgido após a morte e mumificação), é provável que o animal pertença à família Mustelidae de mamíferos carnívoros, embora não saberemos com certeza até que a amostra tenha uma análise adequada.


Como relata o Siberian Times, espera-se que a criatura seja levada para a capital regional de Yakutsk para testes.


A aparência do nosso novo bebê demoníaco não é a única coisa fascinante sobre esta história – o lugar que foi encontrado é inteiramente original, ostentando areias diamantíferas que datam da Era Mesozóica, cerca de 252 a 66 milhões de anos atrás.


Este é o período em que a vida na Terra diversificou rapidamente, com répteis gigantes, dinossauros, mamíferos e novas espécies de plantas que se espalharam por todo o planeta.


A Era Mesozóica é dividida entre os períodos Triássico, Jurássico e Cretáceo, e foi finalizada por eventos de extinção em massa.


É improvável que a criatura seja tão antiga quanto as areias em que foi encontrada, mas dadas as incríveis qualidades de preservação do permafrost russo, poderia ser muito antigo. Uma prova disso é que pesquisadores encontraram um filhote de 12.400 anos de idade notavelmente preservado na região no ano passado.


Esse animal foi tão bem-mumificado que ainda tinha sua pele e partes de seu cérebro preservados.
Fonte: Science Alert / Mistérios do Mundo
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!