Ultimas

Dor na coluna - Aprenda como prevenir e tratar

Se você sente dor nas costas diariamente, não está sozinho. Segundo o Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia, 27 milhões de brasileiros apresentam dores na coluna. A razão por este elevado número pode ser consequência da vida moderna corrida e cheia de trabalhos, em casa e na empresa: sedentarismo; posturas inadequadas para usar o celular e o computador; atividades físicas mal orientadas e obesidade.

Por ser um problema comum, não significa que seja banal. “Essas dores podem significar desde processos degenerativos próprios do processo de envelhecimento, como artrose, hérnia de disco, espondilolistese (escorregamento de uma vértebra) ou até mesmo um tumor”.

 
O conhecido “mau jeito” pode virar a ser uma doença crônica. Por esta razão, é importante buscar ajuda médica e se atentar a frequência das dores. Se for momentânea, a pessoa irá curar em poucos dias. Caso a dor persista por três semanas, é considerada crônica. Independente de qual seja, é importante buscar uma ajuda médica para prevenir e melhorar.
Para evitar problemas nas costas, a fisioterapeuta indica as seguintes medidas:
  • Realizar atividades físicas com orientação de profissionais;
  • Manter boa postura durante o desenvolvimento de atividades, mesmo que seja assistir à tv;
  • Evitar permanecer no computador deitado na cama;
  • Cuidar do peso corporal;
  • Evitar carregar muito peso;
  • Não ultrapassar 10% do peso corporal em bolsas e mochilas.
Em caso de dor, o indicado é evitar tomar medicamentos sem prescrição médica. “Muitas vezes, as pessoas são mal orientadas em relação aos cuidados com a coluna e, frequentemente, mesmo quando os conhecem, os cuidados são tomados somente nos momentos de dor”.

Antes de ir à consulta médica, veja alguns cuidados que poderão ser realizados para aliviar a dor:

Repousar: deitar no chão ou em um colchão mais duro por meia hora.
Dormir de lado: com um travesseiro que apoie o pescoço e outro entre as pernas.
Compressas mornas: colocar bolsa de água quente no lugar da dor para relaxar o músculo.
Tomar banho quente: aproveitar a pressão da água sobre o lugar doído.
Sentar de maneira correta: não cruzar as pernas ao sentar.
Não ficar muito tempo na mesma posição: levantar de hora em hora, no mínimo.
Massagem: feita por um especialista, para o relaxamento dos músculos.
Alongamento: deitar em uma bola de pilates e soltar a cabeça e os braços para trás, possibilitando que a coluna seja esticada.
Fonte: Blog da Saúde
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!