Ultimas

15 sinais de que você tem inteligência emocional

A inteligência emocional é tão importante quanto as outras inteligências.  Afinal, a capacidade de identificar as emoções (em si mesmo e nos outros), de compreender seu poderoso efeito e de usar essa informação para orientar o pensamento e o comportamento, pode aumentar muito as chances de alcançar com êxito seus objetivos.

Como qualquer habilidade, as habilidades da inteligência emocional são aprimoradas com a prática. Mas será que você possui uma EQ alta, sem mesmo saber disso? Dê uma olhada nas seguintes afirmações e veja se elas descrevem seu próprio comportamento e hábitos:

15 – Você sabe que as emoções podem ser usadas contra você

Assim como qualquer habilidade, a inteligência emocional pode ser usada de forma ética e não ética. Quando outros aumentam suas habilidades, eles poderiam usar esse poder para influência manipuladora.
E é exatamente por isso que você deve aguçar sua própria inteligência emocional – para se proteger disso quando o fazem.
 
14 –  Você pensa muito sobre sentimentos

Inteligência emocional começa com a reflexão. Você acaba se fazendo perguntas como: “Por que estou me sentindo assim?” E “O que me fez (ou alguém) dizer ou fazer isso?”

Ao identificar emoções e reações, você se tornou mais consciente sobre elas. Isso é um sinal de inteligência emocional.

13 –  Você pede aos outros uma perspectiva

Você entende que os outros são capazes de ver muito diferente do que você vê. Não para querer estar certo ou errado, em vez disso, você procura entender como as percepções diferem.

12 –  Você diz: obrigado

É surpreendente como a generalizada falta de cortesia é comum hoje em dia. Mas não de você. Você reconhece o poder dessa pequena palavra para mudar o dia de alguém e para fortalecer os relacionamentos – e é por isso que você sempre tira alguns momentos extras para expressar educação.

11 –  Você sabe quando parar


“A pausa” é tão simples quanto tomar um momento para parar e pensar antes de agir ou de falar. (Fácil em teoria, difícil na prática.)

Claro, ninguém é perfeito. Mas a pausa impede o embaraço em muitas ocasiões, fazendo de você um trabalhador melhor, e até salvando seus relacionamentos.

10 – Você explora o “porquê”

Em vez de rotular as pessoas, você percebe que há razões por trás do comportamento de todos. Ao desenvolver qualidades como empatia e compaixão, você se esforça para ver uma situação através dos olhos de outra pessoa. Você faz perguntas como: “Por que essa pessoa se sente assim?” E “O que está acontecendo por trás de tudo?” Ao fazer isso, você é capaz de se relacionar com qualquer pessoa.

9 –  Você está aberto a críticas


Ninguém gosta de receber feedbacks negativo, incluindo você. Mas, você sabe bem que muita crítica contém pelo menos algum elemento de verdade, mesmo quando não é entregue de forma ideal. Além disso, a crítica ensina-lhe muito sobre como os outros pensam.

Assim, você mantém suas emoções em observação e aprende tanto quanto você pode.

8 – Você constantemente considera como os outros vão reagir

A partir do momento que você encontra uma pessoa, você está analisando-os. Você simplesmente não pode evitar.

Mas toda essa observação leva a benefícios: você percebe que tudo o que você diz e faz potencialmente afeta os outros. E isso significa focalizar não apenas no que você diz, mas como você o diz.

7 – Você pede desculpas


Você sabe que “me desculpe” pode ser as palavras mais difíceis de serem ditas. Mas você também reconhece que dizer isso tem um poder imenso.

Ao reconhecer seus erros e se desculpar quando necessário, você desenvolve qualidades como humildade e autenticidade e naturalmente irá atrair o mesmo.

6 –  Você perdoa

Embora compreendendo que ninguém é perfeito, você aprendeu que recusar a perdoar é como coçar uma ferida com uma faca: você nunca irá se curar.

Em vez de ficar preso ao ressentimento enquanto a parte infratora se move com sua vida, você perdoa – dando a você a chance de seguir em frente, também.

5 –  Você tem um vocabulário emocional expansivo

Aprendendo a expressar seus sentimentos, você aumenta sua capacidade de entendê-los. Quando você está triste, você vai mais fundo na tentativa de determinar o porquê: “Estou desapontado? Frustrado? Ferido?”
 
Isso é um grande sinal de que você é emocionalmente inteligente.

4 – Você elogia sinceramente e especificamente


Ao procurar consistentemente o bem nos outros e, em seguida, especificamente dizendo-lhes o que você aprecia, você os inspira. Eles se sentem bem em trabalhar com você e são motivados a dar o seu melhor.

3 –  Você trabalha no controle de seus pensamentos

Uma frase famosa é: “Você não pode impedir um pássaro de pousar em sua cabeça, mas você pode impedi-lo de construir um ninho.”

Quando você experimenta uma situação negativa, você pode não ter controle sobre sua resposta natural, emocional. Mas você está no controle do que acontece em seguida: Você escolhe onde focalizar seus pensamentos.

Em vez de se concentrar nesses sentimentos e pensar em como a situação é injusta, você transforma isso em positivo – e desenvolve um plano para avançar.

2 –  Você não congela as pessoas no tempo

Julgar os outros muito rapidamente, sem levar em conta o contexto e as circunstâncias atenuantes, é um hábito muito destrutivo.

Em contraste, você está ciente de que todo mundo tem um dia ruim, ou até mesmo um ano ruim. Ao se recusar a rotular os outros, a sua opinião sobre eles permanece fluida e você obtém o máximo de seus relacionamentos.

1 –  Você analisa suas fraquezas


É preciso autorreflexão, percepção e coragem para identificar as fraquezas. Mas você não vai ficar melhor a menos que você trabalhe nelas.

Ao analisar situações em que você perdeu o controle de suas emoções, você desenvolve sua estratégia para evitar esses momentos da próxima vez.

Assista esse vídeo para uma boa definição da sua inteligência emocional:


Fonte: inc.com / misteriosdomundo.org
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!