Ultimas

Bonitinhos, Mas Ordinários - Conheça 5 Sapos Supervenenosos

Você que adora animais e pensa que, se não forem leões, tigres ou cobras, não há motivo para temê-los, saiba que algumas criaturinhas aparentemente dóceis e bonitas podem ser muito venenosas. 

O veneno dos sapos da espécie Dendrobates tem efeito neurotóxico, e o que serve para afastar predadores pode fazer mal ao sistema neural humano, causando sérias paralisias musculares. Já os da espécie Phyllobates contêm a substância letal homobatracotoxina, capaz de causar falência dos órgãos. Além dessa substância, os sapos dessa espécie têm muitas outras extremamente tóxicas e letais. A seguir, confira alguns sapos que, apesar da aparência simpática, não são tão fofinhos assim:

1 - Verdinho do mal

Esse sapo, conhecido também como Dendrobates auratus, não passa dos 5 centímetros de comprimento e pode ser encontrado em algumas florestas tropicais, principalmente na Nicarágua e na Colômbia. Esses sapinhos são ativos durante o dia e é melhor você passar longe deles.

2 - Azulzinho da morte

Ele também é pequeno e não chega nem a medir 4 centímetros, mas é melhor que você viva sem se deparar com Dendrobates tinctorius pessoalmente. Ele é encontrado nas florestas ao norte da América do Sul. Alguns desses sapos podem variar em suas colorações e, nesses casos, misturam tons de amarelo com preto e branco.

3 - Perninhas pretas

Amarelinho com patinhas escuras, o Phyllobates bicolor engana bem com a sua aparência de bom moço, mas, se você o encontrar em alguma floresta na Colômbia, onde esses sapinhos que medem pouco mais de 4 centímetros vivem, passe longe. Eles são criaturas geralmente solitárias, mas costumam andar em bandos quando chega a época do acasalamento.

4 - Sapo-abelha

Ele é amarelo e preto, não chega a ter 4 centímetros e parece uma abelhinha. Contudo, não deixe que a aparência do Dendrobates leucomelas engane você. Ele vive em florestas secas e se mantém escondido até que a chuva chegue.

5 - Douradinho

Um sapo assim tão bonitinho não deve fazer mal, não é mesmo? Pois faz, sim. O Phyllobates terribilis é conhecido pela ótima mira de sua língua quando está caçando, além, é claro, da fama de vilão que carrega, já que é o sapo mais venenoso de sua espécie. Ou seja, se você estiver passeando pelas florestas tropicais da Colômbia e se deparar com esse bichinho, corra.
Fontes: amnh.org / animaldiversity.org / megacurioso.com.br
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!