Ultimas

Escorbuto - Doença Que Causa Hemorragia na Gengiva

Você já ouviu falar de escorbuto? Essa doença é causada pela falta de vitamina e foi responsável por causar várias mortes em marinheiros no século 18. Muitos marinheiros ficavam vários dias no mar sem ter uma alimentação adequada, comendo, principalmente, peixes e arroz, pois não era possível o transporte de vegetais em grandes viagens. Para se ter uma ideia do problema, Vasco da Gama, ao contornar o Cabo da Boa Esperança, perdeu mais da metade de seus marinheiros para essa simples doença.

→ Quando o escorbuto foi descoberto?

Existem relatos do escorbuto desde 1500 a.C., mas a maior frequência de casos foi observada na época das grandes expedições marítimas, quando muitos marinheiros morreram em decorrência da enfermidade. Felizmente, hoje a doença é pouco relatada e praticamente não causa morte.

A doença foi corretamente entendida em 1747 por James Lind, um médico da Marinha Britânica que resolveu criar um experimento para identificar o problema que afetava tantos marinheiros. Ele dividiu os homens em grupos e forneceu alimentos diferentes a eles. Aqueles grupos que receberam laranjas e limões, ou seja, produtos cítricos, apresentaram uma recuperação rápida da doença. Com isso, ficou clara a relação entre a alimentação e o escorbuto. O trabalho de Lind foi tão importante que, em 1795, a Marinha Britânica tornou obrigatória a ingestão de frutas cítricas pelos marinheiros.

→ Sintomas do escorbuto

O escorbuto é uma doença que causa, principalmente, manifestações hemorrágicas, como o sangramento na gengiva e dificuldade de cicatrização de feridas. Entretanto, outros sinais e sintomas podem ser relatados, como mal-estar, fadiga, dores musculares, dentes abalados e suscetíveis à queda, anemias, cabelos quebradiços, febre e convulsões. Se não tratado adequadamente, o escorbuto pode causar a morte. Em razão dos sintomas pouco específicos e do baixo índice da doença, o diagnóstico geralmente não é fácil.

→ Prevenção

O escorbuto pode ser prevenido por meio de uma alimentação saudável e balanceada com índices adequados de vitamina C. Mesmo que essa vitamina seja encontrada em leite, por exemplo, é importante investir em vegetais frescos, principalmente frutas cítricas. De acordo com a Organização Mundial de Saúde, deve-se ingerir diariamente de 30 mg a 60 mg de vitamina C. Além de evitar o escorbuto, uma alimentação rica em vitamina C pode prevenir outras doenças, como as formas graves de resfriado.

Veja neste vídeo informações mais completas sobre o Escorbuto:

Fonte: escolakids.uol.com.br
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!