Ultimas

Esquizofrenia Pode Estar Ligada à Diabetes Tipo 2, Dizem Cientistas

Pessoas com esquizofrenia tendem a morrer até 30 anos antes do que a população em geral. Muitas destas mortes se devem a distúrbios físicos como ataques cardíacos e derrames – para os quais o diabetes é um fator de risco.

Os fármacos antipsicóticos são conhecidos por aumentar o risco de diabetes tipo 2, mas há outras coisas que tornam os esquizofrênicos suscetíveis ao transtorno, como a má alimentação e falta de exercícios físicos. No entanto, um estudo recente descobriu que o risco de pessoas com esquizofrenia desenvolver diabetes permanece elevado mesmo quando consideramos estes fatores de risco.

Pessoas com esquizofrenia são três vezes mais propensas a ter diabetes do que o restante da população. A ligação entre ambas as doenças foi feita pela primeira vez no século XIX. Isto foi muito antes do uso de antipsicóticos, e em uma época em que as dietas eram menos propensas a causar diabetes. Isto poderia sugerir que há uma relação de causa e efeito entre a esquizofrenia e diabetes.

O estudo realizado examinou se o risco de diabetes é maior em pessoas no início da esquizofrenia – antes de começarem a tomar medicamentos ou quando estão começando a tomá-los. Reuniu-se dados de vários estudos que examinaram evidências de risco diabético em amostras de sangue de pessoas com esquizofrenia precoce e nos quais a pessoa tomou pouco ou nenhum medicamento.

Diabetes é caracterizada pela glicemia elevada. Quanto maior o nível de glicose no sangue, maior o risco de diabetes. Foi demonstrado que pessoas com esquizofrenia têm maiores níveis de glicose no sangue do que indivíduos saudáveis. Já em relação a insulina (hormônio que desencadeia o movimento da glicose do sangue para os tecidos), o estudo notou que indivíduos com esquizofrenia precoce possuem níveis mais elevados de insulina e maiores níveis de resistência à insulina.

Estes resultados permaneceram estatisticamente significativos, mesmo quando a análise foi restrita a estudos em que pessoas com esquizofrenia foram acompanhadas por controles saudáveis ​​em relação à sua dieta, à quantidade de exercício físico e origem étnica.

Isso sugere que os resultados não foram totalmente motivados por diferenças nos fatores de estilo de vida ou etnia entre os dois grupos e, portanto, podem apontar para uma ligação da esquizofrenia com o aumento do risco de diabetes.

Estas descobertas são um alerta para repensarmos a ligação entre diabetes e esquizofrenia e iniciar a prevenção desde o início da esquizofrenia. Trata-se de cuidar da mente e do corpo desde o início.
Fontes: theconversation.com / misteriosdomundo.org
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!