Ultimas

Desanimado com a vida? Aprenda 3 Segredos Para Vencer o Desânimo!

Desânimo pode ser definido como o contrário de motivação. Por mais que sejamos produtivos, proativos e saibamos diversas técnicas para lidar com a mente, cedo ou tarde sentiremos desânimo e cansaço.

Desanimar é algo natural, pois o ser humano vive em ciclos de energia. Às vezes estamos no pico, às vezes estamos ladeira abaixo. Esse é o padrão normal. Quem está sempre com alta energia ou sempre desanimado com a vida é que compõe uma exceção.

Mesmo sendo inevitável, há alguns truques mentais e corporais que podemos adotar para combatermos o desânimo. Com eles, você terá ferramentas poderosas para controlar seus estados e manter-se entusiasmado com a vida a maior parte do tempo.

1. Altere o foco

O desânimo geralmente vem de algum fato ou de um grupo de acontecimentos que afetam nossa motivação. Esse problema já foi muito estudado, desde a antiguidade. A solução a que quase todos chegam é que precisamos desviar o foco para outros pontos.

Por exemplo, se está desanimado com seu emprego, pense nos seus filhos, na sua saúde, no seu hobby, em alguma coisa que esteja indo bem na sua vida. Se nada estiver indo bem, ponha uma música alegre. Ou pense em eventos felizes do passado. Se for um acesso de raiva, você pode contar ou repetir uma palavra ou um mantra.

É simplório, porém funciona. A mente distrai-se temporariamente e você consegue se livrar da negatividade. Importante frisar que a mudança de foco não é uma solução definitiva. Você está desviando a atenção e tirando o desânimo da superfície da mente.

2. Mude seu corpo

Quando estamos desanimados, a tendência é ficarmos sérios. Olhamos para baixo, falamos devagar, nos movemos devagar, deixamos ombros e cabeça arriados.

Uma técnica que funciona muito bem é você mudar a maneira como posta o seu corpo para enviar sinais diferentes ao cérebro. Respire fundo, deixe a coluna ereta, abra um sorriso de orelha a orelha, olhe para cima. Ponha-se na sua posição mais poderosa, mesmo que não esteja se sentindo bem.

O que acontece quando fazemos isso é uma inversão: em vez do corpo seguir a mente, a mente passa a seguir o corpo.

3. Investigue profundamente

As duas primeiras técnicas contra o desânimo são superficiais. Funcionam, porém são momentâneas. Servem como uma aspirina para combater uma dor crônica: passa na hora, mas acaba voltando.

Se você quer investigar a fundo o problema do sofrimento humano, pode empenhar-se nisso junto com algum professor ou profissional.

Você pode partir para psicanálise, meditação guiada, grupos de ajuda ou outras maneiras de estudar o funcionamento da mente e dos seus problemas dentro dos padrões de pensamento.

Veja este vídeo motivacional e aprenda a vencer o desânimo para ser feliz:

Fonte: mude.nu
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!