Ultimas

Os 10 Transtornos de Personalidade Que Mais se Destacam atualmente

É quase instantâneo as pessoas pensarem em psicopatia quando ouvem falar em transtornos de personalidade, não é mesmo? Aliás, esse é um assunto que está super em alta nos últimos tempos e intriga todo mundo, já que a mente dos psicopatas é algo intrigante.

Mas, ao contrário do que as pessoas pensam, esse não é o único transtorno de personalidade que existe. Hoje, aliás, você vai conhecer alguns transtornos de personalidade que são muito comuns atualmente, mas que pouca gente conhece.

Além disso, você vai conhecer os sintomas desses estranhos transtornos de personalidade. Por meio dessas características comuns a cada um dos problemas, você vai poder analisar se está sendo vítima de alguém com esses problemas, seja no trabalho, na vida pessoal e assim por diante.

Como você vai ver na lista, dentre os transtornos mais comuns estão o de Borderline, o Esquizoide, o Narcisismo e até mesmo o TOC. Mas muitos nem parecem se tratar de doenças, como os transtornos dependente e o antissocial. Estranho né?

Todos os transtornos de personalidade que você está prestes a conhecer foram mencionados e descritos pela psiquiatra Katia Mecler, em seu livro Psicopatas do Cotidiano. Aliás, como a autora mesmo ressalta, conhecer esses problemas psíquicos é muito importante para a vida de quem sofre com eles e para a vida das pessoas que estão em volta, já que até 10% da população mundial, hoje em dia, apresenta algum tipo desses transtornos.

Então conheça, agora, alguns dos transtornos de personalidade mais comuns:

1. Obsessivo-compulsivo

Também conhecido como TOC (Transtorno Obsessivo-Compulsivo), esse é um dos transtornos de personalidade mais comuns hoje em dia e se caracteriza pelo excesso de cuidados com as regras, a organização e os horários. Conhece alguém assim?

Pessoas obsessivas-compulsivas são notoriamente teimosas e perfeccionistas, preferem o trabalho ao lazer, na maioria dos casos; são inflexíveis e escrupulosas em excesso quanto à moral e à ética. Além disso, tendem a ser acumuladoras, não conseguem delegar responsabilidades ou tarefas, por mais simples que sejam; e, não raro, são muito pão-duras.

2. Evitativo

O nome é estranho, mas, como você vai ver, esse é um dos transtornos de personalidade bem frequentes hoje em dia. Aliás, muitas vezes, o transtorno evitativo nem parece algo preocupante. Isso porque pessoas evitativas resistem, ao máximo, contato interpessoal, mesmo na vida profissional; não costumam se envolver com os outros sem ter certeza de que será bem recebido; e são reservadas mesmo em relacionamentos íntimos, com medo do ridículo ou por pura vergonha mesmo.

Pessoas que sofrem com esse transtorno costumam também ser muito preocupadas com críticas e rejeições, não fazem novas amizades facilmente, até porque acreditam ser inferiores aos demais. Além disso, dificilmente, assumem riscos ou estão abertas a novas experiências, por mais simples que pareçam.

3. Dependente

Falando assim, nem parece ser um dos transtornos de personalidade de nossa lista, mas uma característica inocente, não é mesmo? Mas pessoas dependentes demais são, na verdade, doentes. Aliás, quem tem esse transtorno costuma não ficar sozinho muito tempo, emendando um relacionamento no outro. Tem dificuldades para tomar decisões sozinho, terceiriza as responsabilidades sobre a própria vida e, raramente, manifesta sua verdadeira opinião, especialmente se for de desacordo, com medo de perder apoio dos que estão em volta.

Pessoas dependentes, além disso, dificilmente apresentam iniciativa própria, fazem coisas extremas para ganhar carinho, atenção ou amparo; não conseguem ficar sozinhas, mesmo em casa, por muito tempo e apresentam medo irreal de serem abandonadas.

4. Histriônico

Pessoas com transtorno histriônico não sabem lidar com a falta de atenção e precisam, sempre, ser o centro de todos os olhares. Para isso, elas costumam apresentar um comportamento sedutor exagerado, usam a aparência física para conseguir atenção e tendem a dramatizar as emoções.

Além disso, os histriônicos acreditam que as relações pessoais são mais íntimas que a verdade. Costumam ainda fazer discursos carentes e apresentar mudanças emocionais repentinas.

5. Narcisismo

Embora seja um conceito conhecido, poucas pessoas sabem que o narcisismo se trata de um problema e está entre os transtornos de personalidade mais comuns atualmente. Isso porque, pessoas que apresentam esse transtorno costumam ter fantasias de sucesso ilimitado na vida, acreditam ser únicas e especiais e precisam de atenção excessiva.

Os narcisistas também acreditam piamente que possuem direitos exclusivos, são arrogantes, insolentes, invejosos e, mesmo sem motivo, costumam se sentir alvos de inveja alheia. Sem contar que costumam ser exploradores em suas relações.

6. Borderline

Esse é um dos transtornos de personalidade mais estranhos da lista. Isso porque quem tem o problema costuma ter mudanças rápidas de humor, tem medo de ser abandonado e quer evitar, a qualquer custo, o abandono. Por isso mesmo, seus relacionamentos costumam ser instáveis e intensos demais. Essas pessoas também têm comportamento suicida recorrente e voltado a automutilação.

Além disso, pessoas com borderline costumam ter pensamentos paranoides em períodos de estresse e são compulsivas por alguma coisa, como compras, álcool ou drogas.

7. Antissocial

Pessoas antissociais, dependendo do nível, também podem ter problemas sérios relacionados a personalidade. Isso porque podem se mostrar falsas, incapazes de se adequarem às regras sociais, podem ficar agressivas ou irritadas quando expostas demais; sem contar que, na maioria das vezes, não conseguem planejar o futuro.

Os antissociais também podem ser irresponsáveis e podem não apresentar ou não demonstrar remorso pelo mau comportamento. Além disso, podem ser manipuladores e sedutores, na grande maioria das vezes.

8. Paranoide

Os sintomas de quem apresentam o transtorno paranoide costumam ser bem característicos, como o excesso de desconfiança sem qualquer motivo, relacionado a qualquer pessoa ou assunto. Sem contar com a preocupação injustificada com a lealdade dos amigos e a incapacidade de confiar, o mínimo possível, nas pessoas.

Além disso, os paranoides costumam guardar rancor muito facilmente, acreditam que sua reputação está sendo sempre atacada e, claro, têm dúvidas constantes sobre a fidelidade dos parceiros ao longo da vida.

9. Esquizotípico

Pessoas que sofrem com esse transtorno costumam ser extravagantes na aparência e no comportamento, sentem o tempo inteiro que são perceptivas além do normal e acham que conseguem prever as coisas. Costumam também ser muito ansiosas, sustentam crenças estranhas e superstições exageradas. Além disso, sofrem com desconfiança paranoide, não têm amigos íntimos e, por isso mesmo, costumam demonstrar afetos inadequados.

10. Esquizoide

Bom, a melhor forma de ilustrar esse transtorno de personalidade talvez seja citando o personagem Sheldom Cooper, de The Big Bang Theory. Assim como ele, pessoas que sofrem com o problema preferem atividades solitárias, não desfrutam de relações íntimas, têm pouco ou nenhum interesse por experiências sexuais, quase não sentem prazer, de forma geral; não têm amigos próximos, são frios emocionalmente são indiferentes a elogios ou críticas.
Fontes: extra.globo.com /segredosdomundo.r7.com
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!