Ultimas

Cientistas Estão Introduzindo Vírus em Pacientes Para Curar Cegueira

Uma equipe de pesquisadores da Johns Hopkins realizou um pequeno ensaio clínico para descobrir os efeitos de um vírus comum, chamado AAV2, nos olhos de pacientes com degeneração macular relacionada à idade (DMRI), considerada uma das principais causas de cegueira no mundo. 

O objetivo dos cientistas era tentar reverter a progressão da doença. Embora os resultados tenham sido positivos, eles ainda terão de ser replicados em uma amostra maior de pacientes. Os primeiros indícios do experimento sugeriram que uma única injeção do vírus pode ‘reativar’ o sistema imunológico do copo, limpando o líquido que é responsável pela perda da visão pela DMRI.


Embora a DMRI atualmente tenha cura, ela envolve a aplicação de injeções diretamente no olho, a cada quatro semanas pelo resto da vida. Os efeitos colaterais incluem infecções oculares e risco aumentado de acidente vascular cerebral. Ao contrário deste penoso tratamento, a equipe de pesquisadores demonstrou que, em alguns casos, é possível deter e até mesmo reverter a progressão da doença, por meio de uma injeção única do vírus AAV2.

Este estudo preliminar é um pequeno passo, porém promissor, em direção a uma nova abordagem que não só reduzirá as visitas médicas, ansiedade e desconforto associado com as infindáveis injeções, mas pode melhorar os resultados a longo prazo”, escreveram os pesquisadores. O ensaio clínico contou com uma amostra de apenas 19 pacientes. 

Destes, quatro apresentaram melhorias dramáticas após o tratamento, com a quantidade do líquido nos olhos reduzindo de uma forma grave para “quase nada”. Outros dois pacientes, por outro lado, apresentaram uma melhora parcial de seus quadros, enquanto os 13 restantes não experimentaram melhoras. Os pesquisadores descobriram que o grupo sem avanços havia desenvolvido de forma natural uma imunidade ao AAV2, por meio de um anticorpo que atacava diretamente o vírus.

Contudo, a equipe acredita que o método poderia ser eficaz em pelo menos a metade da população mundial. Mas, ainda serão necessários ensaios maiores para que isso seja verificado. Espera-se que a DMRI aumente em mais de 100% até 2050, portanto, mesmo um tratamento que funcione apenas em metade da população poderia vir a ser útil, salvando centenas de milhares de pessoas da cegueira.
Fontes: sciencealert.com / jornalciencia.com
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!