Ultimas

Roer Unhas Pode Causar 5 Problemas de saúde

A Associação de Psiquiatria dos Estados Unidos classifica o hábito de roer as unhas como um transtorno obsessivo-compulsivo (TOC).

 Para além do desconforto estético, há outro motivo para se preocupar com o hábito de roer as unhas frequentemente. A Associação de Psiquiatria dos Estados Unidos classifica o hábito de roer as unhas como um transtorno obsessivo-compulsivo (TOC), juntamente com outras formas de "aliciamento patológico”. Descubra quais os riscos a seguir:

Por que roer unhas pode ser prejudicial?

O que para a maioria das pessoas pode simplesmente parecer resultado de estresse ou tédio, na verdade pode realmente ser prejudicial. Os impactos não são apenas emocionais ou estéticos e podem afetar a saúde.


1. Há bactérias que causam doenças
As unhas são lugares ideais para que as bactérias prosperem, e isso inclui as bactérias potencialmente patogênicas, tais como E. coli e Salmonella (que ficam alojadas por baixo das unhas). A medida que você rói as unhas, as bactérias são facilmente transferidas para sua boca e o resto do seu corpo e podem causar infecções.

Suas unhas podem ser duas vezes mais sujas que os dedos, considerando que são mais difíceis de se manterem limpas.

2. Existem infecções de unhas
PUBLICIDADE
As pessoas que roem as unhas são suscetíveis a paroníquia, uma infecção da pele que ocorre ao redor das unhas. Enquanto você morde as unhas, bactérias, leveduras e outros microrganismos podem entrar através de pequenas lacerações causando inchaço, vermelhidão e pus ao redor da unha. Esta condição dolorosa pode precisar de ser drenada cirurgicamente.

3. Pode haver transmissão do HPV
Verrugas nos dedos causadas pelo papilomavírus humano (HPV) são comuns em crianças que roem as unhas. Existem tipos de HPV que causam verrugas nas mãos - tipos diferentes daqueles que causam doenças no sistema reprodutor feminino. Essas verrugas podem facilmente se espalhar para a boca e os lábios.



4. Pode causar problemas dentários
Roer as unhas pode interferir na oclusão dental ou na forma como os dentes superiores e inferiores encaixam quando você fecha a boca. Os dentes podem sair da sua posição natural, deformar, sofrer desgaste prematuro e, eventualmente, enfraquecer.

5. Afeta a qualidade de vida
É consenso entre a comunidade científica que as pessoas que roem as unhas cronicamente relatam significativamente maior deterioração da sua qualidade de vida do que aqueles que não o fazem. O nível de deterioração aumenta com o tempo gasto e o número de unhas comprometidas.
Fonte: vix.com
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!