Ultimas

Olho Preguiçoso - É Grave e Compromete Toda a Visão

Popularmente conhecida como “olho preguiçoso”, a ambliopia é caracterizada pela diminuição da acuidade visual de um ou de ambos os olhos e, se não for tratada a tempo, pode levar a um grande comprometimento da visão.

De acordo com a oftalmologista Dra. Kátia Mello, a ambliopia ocorre com mais frequência na infância, podendo se desenvolver a partir do nascimento. O diagnóstico e o tratamento precoce podem ajudar a prevenir problemas a longo prazo.

Sintomas de olho preguiçoso

  • Olhos que parecem não funcionar juntos
  • Percepção falha de profundidade
  • Inclinação constante da cabeça
  • Lacrimejamento e vermelhidão nos olhos
  • Dores de cabeça
  • Sensibilidade à luz
  • Dificuldade de leitura e/ou escrita
  • Dificuldade para reconhecer as pessoas de longe
  • Esbarrão em objetos

Causas da ambliopia

O olho preguiçoso se desenvolve devido à experiência visual anormal no início da vida que altera as vias nervosas entre uma fina camada de tecido (retina) na parte de trás do olho e do cérebro, fazendo com que o olho fique mais fraco e receba menos sinais visuais.

Se não tratada, a condição pode causar perda permanente de visão. O olho preguiçoso é considerado a causa da perda permanente de visão em 2,9% dos adultos.

Olho preguiçoso: como é o tratamento

É importante começar o tratamento para o olho preguiçoso o mais rápido possível, ainda na infância, quando as complicadas conexões entre o olho e o cérebro estão se formando. Os melhores resultados ocorrem quando o tratamento começa antes dos 7 anos de idade.

As opções de tratamento, que podem durar de seis meses a dois anos, dependem da causa e de quanto a condição está afetando a visão da criança. O médico pode recomendar óculos corretivos, tampões nos olhos, colírio e até mesmo cirurgia.
Fonte: vix.com 
Postar um comentário
 
Copyright © 2011 - 2014 O Controle da Mente - A Ciência em Ação!